9437
post-template-default,single,single-post,postid-9437,single-format-standard,stockholm-core-1.2.1,select-child-theme-ver-1.0.0,select-theme-ver-5.2.1,ajax_fade,page_not_loaded,wpb-js-composer js-comp-ver-6.1,vc_responsive
Title Image

com Ana Monte

Miss Castelinhos inspira-se nas brincadeiras e jogos das crianças para criar as suas colecções. A este conceito dei o nome de READY TO PLAY, que se caracteriza por nunca ser estático, promovendo o jogo livre e estimulando todos os sentidos.

Sendo mãe de dois rapazes, foram eles que despertaram a minha curiosidade e interesse sobre como brincam. Sabemos bem a importância do brincar no desenvolvimento social, emocional e cognitivo da criança… Como interagem e brincam, como podemos brincar de uma maneira divertida com elas, como brincar pode ajudar o seu desenvolvimento…

Lancei o desafio a várias famílias, para saber como são as brincadeiras lá em em casa. Hoje deixo aqui o testemunho Ana Monte.  Não sei exactamente dizer quando descobri o Instagram da Ana (Three Little Montes), mas fiquei logo fã das suas montagens.

Foto Instagram Ana Monte

Ready… set… play!

Quantas crianças vivem aí em casa? Idades?

Aqui em casa temos quatro crianças: uma com 3 anos (Miguel), outra com 6 (Pedro)… e duas com 30 e tal! 😜

Preferem brincar juntas ou em separado?

Depende. Têm fases. Tanto o mais velho como o mais novo de vez em quando dizem que querem brincar sozinhos e recusam a participação do irmão. Mas diria que na maior parte das vezes preferem brincar juntos – especialmente agora com toda a situação da pandemia, em que não têm outros amiguinhos para brincar.

Como é a dinâmica entre elas? Decidem por igual a brincadeira ou há um líder?

O mais velho é o líder. É engraçado de ver, porque o Miguel ADORA fazer o que o mano manda. Está naquela fase em que imita tudo, especialmente se for o Pedro a fazer. E isto por agora dá jeito nas brincadeiras. Mas… esta vontade de liderança nas brincadeiras, noutras situações em que há crianças mais velhas e que já têm vontades e ideias próprias, por vezes é problemática. O Pedro quer tanto liderar as brincadeiras que os outros miúdos por vezes chateiam-se porque, claro, querem brincar à sua maneira.

Foto Instagram Ana Monte

Qual o tipo de brincadeira favorita? Faz-de-conta, jogos, actividades…

Puzzles, legos e desenhar. Passavam o dia todo nisto, se pudessem. O Pedro gosta de desenhar os seus bonecos favoritos e recortar para que passem a ser brinquedos e é super giro de ver. Para ele não há diferença nenhuma entre estes bonecos que ele faz e os que lhe oferecem vindos de lojas, que normalmente os miúdos adoram por serem réplicas autênticas dos seus personagens favoritos.

Foto Instagram Ana Monte

Este período de recolhimento, marcou de alguma forma as brincadeiras?

Marcou sim, muito. Ficaram muito mais unidos, mais amiguinhos… apesar de terem os seus momentos de briga, claro. Não sei se é coincidência ou não, mas o facto é que desde que estamos em confinamento brincam muito mais juntos do que faziam antes e defendem-se mais um ao outro. Foram também obrigados a ser mais criativos (fomos todos!), já que a vida deles basicamente agora é isto, estar em casa a brincar. Noto que dantes, em casa, brincavam sempre às mesmas brincadeiras e agora variam muito mais.

E o pais, também brincam?

Os pais brincam muito, sempre que podem. Até porque, se não brincarem, os miúdos tratam logo de reclamar… Mesmo que quiséssemos, não tínhamos alternativa! Hahaha…

Obrigada à Ana, por ter aceite este desafio. Sigam-na pelas redes sociais, no Instagram @ana__monte

No Comments

Post a Comment

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Subscribe to the mailing list and receive a 10% discount to my Shop.